Buscar este blog

viernes, 3 de enero de 2014

Informação Técnica: Pesquisa recente diz que em 98% dos casos a aplicação de N em soja não é viável - RURAL BR

A adubação nitrogenada na soja é uma prática não recomendada pela pesquisa pois a inoculação, se feita adequadamente, é capaz de fornecer todo o N requerido pela cultura, sendo desnecessária e/ou inviável a adubação mineral com Nitrogênio,

Recentemente, devido a mudança no perfil das cultivares e dos níveis de produtividade, muitos produtores voltaram a utilizar o N na fertilização da soja tomando como referência algumas pesquisas isoladas e experiências de campo, tanto na base como em aplicações complementares na fase reprodutiva.

Pelo menos nesta segunda modalidade de aplicação, em um protocolo de pesquisa coordenado pelo Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB) em 51 experimentos nas principais regiões produtoras de soja do Brasil na safra 2012/13 comprovou que em 98% dos casos foi inviável a aplicação do Nitrogênio.

Nestes experimentos, o N foi aplicado na fase de enchimento de grão da cultura (R5.3) na forma granulada e também líquida (lanço e foliar) usando a uréia como fonte.

Segundo os pesquisadores que coordenaram a pesquisa, divulgado pelo RURAL BR, a substituição dos fertilizantes nitrogenados industriais pela inoculação de soja com bactérias do gênero Bradyrhizobium, além de proporcionar uma considerável economia reduz prejuízos ambientais, já que aproximadamente 50% dos adubos nitrogenados ao solo são perdidos por lixiviação, desnitrificação e volatilização, contaminando mananciais hídricos e contribuindo para o aquecimento global pela redução da camada de ozônio.

Em uma agricultura cada vez mais competitiva e detalhista, saber que um investimento importante tem apenas 2% de chances de gerar resultados pode fazer muita diferença...

Em todos os casos, a administração é um dos pontos fundamentais para a manutenção e/ou sucesso do empresario rural, já que existe a pesquisa, meios de comunicação e profissionais servindo ao produtor, basta saber administrar as informações e os recursos com eficiência, e ninguém pode fazer isto melhor que o produtor agrícola!

Fonte: Rural Br
Por: Canal Agro Paraguay

No hay comentarios.:

Publicar un comentario